Abertura do Festival Artes Vertentes terá exposições, coro, performance e concerto

A oitava edição do Festival Artes Vertentes começa nesta quinta-feira, 12 de setembro, às 17h, no Centro Cultural SesiMinas Yves Alves, em Tiradentes. Até o dia 22 do mesmo mês, diversas atividades artísticas tomam conta da charmosa cidade histórica situada a 15 quilômetros de São João del-Rei.

A programação do primeiro dia inclui abertura das exposições "A cartografia do mistério", de Mac Adams, "Tchevengur", de Svetlana Filippova, e "O Cangaceiro", de Carybé (17h, SesiMinas Yves Alves); abertura oficial do Festival com a participação dos alunos de música da Ação Cultural Artes Vertentes (18h, no mesmo local); performance "No princípio não era o verbo" com a participação de Ricardo Siri, Ricardo Domeneck, Angélica Freitas, André Capilé, Coro VivAvoz e alunos da Ação Cultural Artes Vertentes (19h, Museu Casa Padre Toledo); e Concerto de Abertura com os músicos Cássia Lima, Alexandre Barros, Marcus Julius Lander, Alma Liebrecht, Catherine Carignan e Guilherme Vincens, interpretando obras de G. Rossini, R. Gnatalli, H. Villa-Lobos, C. Santoro e P. D'Rivera (21h, Matriz Santo Antônio).

Algumas atividades são gratuitas - no caso do primeiro dia, apenas o concerto requer ingresso. Para verificar a programação completa e comprar ingressos, acesse www.artesvertentes.com.

Ação cultural

De 2014 a 2018, cerca de 500 crianças participaram das atividades da Ação Cultural, conduzidas por educadores de cada área e artistas internacionais participantes do festival. Parte deste processo é sempre apresentada durante a programação do festival, sob a forma de exposições, animações, concertos e espetáculos teatrais. Ao longo de 2019, a Ação Cultural promove aulas semanais durante todo o ano nas áreas de Artes Visuais, Música e Artes Cênicas.

Artistas

A página do Artes Vertentes traz um breve currículo de cada artista que irá se apresentar. Entre eles, o professor do Departamento de Música da UFSJ, Guilherme Vincens; a professora do mesmo Departamento e também do Coro Vivavoz, Renata Vanucci; a coordenadora da área de Literatura do Inverno Cultural UFSJ, Deborah Castro; e o performer e artista visual formado em Comunicação pela UFSJ, Mar de Paula.


Publicada em 12/09/2019
Fonte: ASCOM

 Voltar