Sobre o Curso - Artes Aplicadas UFSJ


Grade Curricular NOVA

Pré-Requisitos

Projeto Pedagógico 2017 

 

Vídeos sobre o curso de Artes Aplicadas:

UFSJ é a única universidade do Brasil que oferece graduação em Artes Aplicadas

Conheça o curso de Artes Aplicadas (2015)

Michael Strand na UFSJ (2015)

Exposição Cerâmica é Linguagem II (2014)

O Curso de Artes Aplicadas (2014)

Exposição Cerâmica é Linguagem I (2013)

Exposição dos alunos (2013)

Nina Hole na UFSJ (2010)

 

ARTES APLICADAS

A proposta do curso é pioneira em relação aos demais cursos vinculados ao campo da cerâmica, existentes no cenário nacional, por trazer à tona a discussão sobre o tênue limite entre as áreas das Artes Visuais, do Design e do Artesanato. 
O que distingue este curso dos demais é uma abordagem global dos processos cerâmicos que vão desde o projeto de peças artísticas ou de caráter utilitário, passando por sua execução prática até sua veiculação de diferentes maneiras no mercado, como, por exemplo, por meio da criação de uma oficina de pequeno porte.

Objetivos

O curso de Bacharel em Artes Aplicadas busca concretizar o perfil de um profissional que atenderia a duas necessidades importantes da sociedade e do mercado:

a) Trabalhar em segmentos específicos de mercado interno e exportador, nos quais existem espaços para produção e colocação de bens de consumo exclusivos, produtos de um lavor de caráter artesanal e/ou artístico fino, que implique em construção de estilo e/ou resgate de valores estéticos tradicionais e, se possível, com o uso intensivo e inovador de tecnologia. Isto significa a formação de profissionais autônomos capazes de se tornar empregadores, ao invés de ir em busca de empregos.

b) Executar, orientar e assessorar ONGs, prefeituras e órgãos públicos municipais, estaduais e federais em políticas públicas de fomento e implantação de cooperativas e/ou agregados produtivos locais (APLs), centrados na produção de base artesanal.

A Habilitação em Cerâmica é oferecida nesta primeira fase, função de necessidades e possibilidades concretas da universidade. Após cursar o ciclo profissional o formando deverá ser capaz de montar e administrar sua própria manufatura de cerâmica de alta temperatura (grés e/ou porcelana), ou atuar como profissional de políticas públicas na área do artesanato.

Além disto, os formandos estarão habilitados a trabalhar em manufaturas e fábricas de objetos cerâmicos, seja cerâmica branca (fabricação de peças de porcelana para mesa e decoração), seja no segmento de pisos e azulejos.

Com o ciclo básico espera-se que o aluno já possa se empregar como auxiliar técnico em empresas e escritórios de engenharia, pois já estaria habilitado a trabalhar no desenho de plantas e projetos usando inclusive programas de computador, como o CAD.

 

 

O que faz o profissional:

  • especificar, planejar, instalar e operar equipamentos em um atelier ou pequena manufatura de cerâmica;  

  • desenvolver conhecimentos sólidos de matérias primas cerâmicas suas características, tratamento e uso para pequenos empreendimentos;  

  • observar, fazer prospecção qualitativa, caracterizar, avaliar e utilizar matérias primas in natura, regionais e locais; 

  • conhecer técnicas para a formulação e fabricação de massas e barbotinas;  

  • ter competência, disciplina e habilidade para projetar e conformar objetos cerâmicos, usando técnicas de modelagem manual, em torno de oleiro, formas de gesso e outras;  

  • formular, produzir e aplicar esmaltes cerâmicos de alta e baixa temperaturas;  

  • formular, produzir e aplicar engobes, terra sigillatas e barbotinas vitrificáveis para queima única;  

  • utilizar técnicas de decoração e pigmentos cerâmicos;  

  • projetar, construir e utilizar fornos cerâmicos com o uso de diferentes formas de energia (glp, gás natural, lenha, eletricidade, óleo combustível);  

  • projetar, produzir e avaliar objetos cerâmicos de qualidade, sendo capaz de julgar técnica e esteticamente a forma, textura, adequação, funcionalidade e qualidade das peças produzidas.

 

Coordenadora: Profª Luciana Beatriz Chagas

Secretária: Ana Virgínia Pereira Terra

E-mail da Coordenadoria: coaap@ufsj.edu.br

 

Telefone: (32) 3373-3932

 

Links:

 

 

 

Visite também o Blog da Revista de Cerâmica João de Barro

http://revistadeceramicajoaodebarro.blogspot.com/